Linha do Tempo – d.C. a partir do séc. XIX

Acesso em: 14:44 26/07/06
Disponível em: Bibliografia_final de folha
——————————
::::::: LINHA DO TEMPO :::::::
——————————
1803 1803.1. Invenção do barco a vapor – Inglaterra
 1803.2. por Robert Fulton
1805 1805.1. Invenção do salva-vidas – Inglaterra
 1805.2. por John Edwards
1806 1806.1. O calendário revolucionário francês
 1806.2. teve vigência
 1806.3. de 22 de setembro de 1792
 1806.4. a 1º de janeiro de 1806,
 1806.5. quando Napoleão I
 1806.6. ordenou o restabelecimento
 1806.7. do calendário gregoriano.
1806 1806.1. Em 1806,
 1806.2. Napoleão Bonaparte,
 1806.3. imperador da França,
 1806.4. comunicou a todos os países da Europa
 1806.5. que eles estavam proibidos
 1806.6. de comerciar com a Inglaterra.
 1806.7. Essa proibição
 1806.8. ficou conhecida como Bloqueio Continental
 1806.9. e tinha por objetivo
 1806.10. sufocar a economia desse país,
 1806.11. que era então
 1806.12. o principal inimigo
 1806.13. do imperador napoleônico.
 1806.14. O que dava a Bonaparte
 1806.15. o poder de estabelecer a proibição
 1806.16. era sua força militar,
 1806.17. com a qual
 1806.18. foi capaz
 1806.19. de subjugar a maioria
 1806.20. das potências européias.
1807 1807.1. No final do ano de 1807,
 1807.2. Napoleão, o imperador da França,
 1807.3. mandou seu exército invadir Portugual,
 1807.4. que nessa época,
 1807.5. era governado pelo príncipe D. João.
 1807.6. Sem um exército capaz de combater os franceses,
 1807.7. D. João decidiu transferir
 1807.8. a sede do governo de Portugual
 1807.9. para o Brasil,
 1807.10. onde chegou em janeiro de 1808.
1808 1808.1. D. João,
 1808.2. Príncipe Regente de Portugal,
 1808.3. desembarca com sua corte na Bahia.
 1808.4. Abertura dos portos.
1808 1808.1. Instalação do aparelho de Estado português
 1808.2. no Rio de Janeiro em inícios de 1808,
 1808.3. passando a cidade,
 1808.4. da condição de braço avançado
 1808.5. do poder metropolitano português no Brasil,
 1808.6. para a de sede do reino unido,
 1808.7. palco, portanto,
 1808.8. de encenação do próprio poder monárquico
 1808.9. luso-brasileiro.
1809 1809.1. Invenção do telégrafo (múltiplo) – Alemanha
 1809.2. por Samuel T. von Soemmering
1810 1810.1. Invenção do rifle de retrocarga – EUA
 1810.2. John Hall
1812 1812.1. Invenção do acumulador elétrico – Alemanha
 1812.2. por Johann b. Ritter
1815 1815.1. Invenção da lâmpada de mineiro – Inglaterra
 1815.2. por Humphry Davy
1815 1815. O Brasil é declarado Reino Unido
 1815.1. ao de Portugal e Algarves.
1815 1815.1. O Brasil elevado a Reino
 1815.2. A 16 de dezembro de 1815,
 1815.3. foi o Brasil declarado Reino Unido
 1815.4. ao de Portugal e Algarves.
 1815.5. Algum tempo depois,
 1815.6. o herdeiro da coroa lusitana
 1815.7. passou-se
 1815.8. "príncipe real
 1815.8.1. do reino unido
 1815.8.2. de Portugal, Brasil e Algarves".
1815 1815.1. Fim do Império Napoleônico.
1815 1815.1. Desde o Congresso de Viena,
 1815.2. em 1815,
 1815.3. a preocupação dos principais paises europeus
 1815.4. passou a ser
 1815.5. a busca da estabilidade internacional.
1816 1816.1. Invenção da bicicleta – Alemanha
 1816.2. por Karl D. von Sauerbronn
1818 1818.1. Aclamação de D. João VI.
1820 1820.1. Invenção da cultivadora nos EUA
 1820.2. por Henry Burden
1821 1821.1. D. João VI regressa a Portugal
 1821.2. e deixa seu filho D. Pedro
 1821.3. como regente do Brasil.
1821 1821.1. A 26 de abril de 1821,
 1821.2. partiu D. João VI.
 1821.3. Antes de embarcar,
 1821.4. ainda na Quinta da Boa Vista,
 1821.5. prevendo a futura emancipação,
 1821.6. recomendara ao filho:
 1821.7. "Pedro: se o Brasil se separar,
 1821.7.1. antes seja para ti,
 1821.7.2. que me hás de respeitar,
 1821.7.3. do que para algum desses aventureiros".
1821 1821.1. Em 1821, quando voltou para Portugual,
 1821.2. D. João deixou seu filho D. Pedro
 1821.3. como príncipe regente do Brasil.
1822 1822.1. Invenção do motor elétrico – Inglaterra
 1822.2. por Michael Faraday
1822 1822.1. Invenção da câmara fotográfica – frança
 1822.2. por Joseph N. Niepce
1822  1822.1. Independência do Brasil.
1822 1822.1. Dia do "Fico"
 1822.2. (9 de janeiro de 1822).
1822 1822.1. D. Pedro recebe o título de
 1822.2. "Defensor Perpétuo do Brasil"
 1822.3. (13 de maio de 1822).
1822 1822.1. Convocação de uma Constituinte Brasileira
 1822.2. (3 de junho de 1822).
1822 1822.1. "Independência ou Morte!"
 1822.2. (7 de setembro de 1822).
1822  1822.1. Guerra da Independência.
 1822.2. Quando D. Pedro I foi coroado
 1822.3. e sagrado Imperador do Brasil
 1822.4. (1 de dezembro de 1822),
 1822.5. ainda havia em várias províncias
 1822.6. tropas fiéis ao governo de Lisboa:
 1822.7. o Imperador tratou logo de expulsá-las.
1823 1823.1. Invenção da máquina de calcular – Inglaterra
 1823.2. (digital)
 1823.3. por Charles Babbage
1824 1824.1. Invenção do cimento (portland) – Inglaterra
 1824.2. por Joseph Aspdin
1824 1824.1. Primeira Constituição brasileira
 1824.2. (25 de março de 1824).
1824 1824.1. Confederação do Equador.
1825 1825.1. Invenção do trator – Inglaterra
 1825.2. por Robert Keeley
1827 1827.1. Invenção do fósforo (fricção) – Inglaterra
 1827.2. por John Walker
1829 1829.1. Primeira locomotiva a vapor.
1829 1829.1. Invenção da impressão Braille – França
 1829.2. por Louis Braille
1831 1831.1. Invenção do trilho de estrada de ferro – EUA
 1831.2. (de superfície chata)
 1831.2. por Robert. L. Stevens
1831 1831.1. Inveção do revólver – EUA
 1831.2. por Samuel Colt
1831 1831.1. Abdicação de D. Pedro I.
1831 1831.1. Periodo regencial
 1831.2. (1831-1840)
1834 1834.1. Invenção do bonde – EUA
 1834.2. por Thomas Davenport
1835 1835.1. Invenção do telégrafo (um só fio) – EUA
 1835.2. por Samuel F. B. Morse
1846 1846.1. Invenção da nitroglicerina – Itália
 1846.2. por Ascânio Sobrero
1849 1849.1. Invenção da bala (rifle) – França
 1849.2. por Claude E. Minié
1851 1851.1. Invenção do leite condensado – EUA
 1851.2. por Gail Borden
1852 1852.1. Invenção do dirigível (não rígido) na França
 1852.2. por Henry Giffard
1852 1852.1. Invenção do elevador de passageiros nos EUA
 1852.2. por Elisha G. Otis
1853 1853.1. Invenção do planador – Inglaterra
 1853.2. por George Cayley
1854 1854.1. Invenção da arma de repetição nos EUA
 1854.2. (carabina automática)
 1854.3. por Horace Smith e Daniel B. Wesson
1858 1858.1. Invenção do refrigerador – França
 1858.2. por Ferdinand Carrè
1858 1858.1. Invenção da máquina de lavar roupa – EUA
 1858.2. por Hamilton E. Smith
1859 1859.1. Invenção do motor de combustão interna – França
 1859.2. por Jean J. E. Lenoi
1860 1860.1. Invenção do navio de guerra (vapor) – EUA
 1860.2. por John Ericsson
1862 1862.1. Invenção da metralhadora (de manivela) – EUA
 1862.2. por Richard J. Gatling
1863 1863.1. Invenção do sinal de estrada de ferro – EUA
 1863.2. por Ashbel Welch
 1863.3. e Robert Stewart
1864 1864.1. Em 1864,
 1864.2. as forças paraguaias
 1864.3. andavam por 80 000 homens,
 1864.4. com abundante e moderno material de guerra.
 1864.5. O exército brasileiro,
 1864.6. em tempo de paz,
 1864.7. não chegava a 17 000 homens,
 1864.8. sem grande armamento.
 1864.9. A contribuição dos dois aliados foi pequena.
 1864.10. A Argentina,
 1864.11. no início da campanha,
 1864.12. apresentou 12 000 homens,
 1864.13. número que depois se reduziu:
 1864.14. no fim da guerra,
 1864.15. seriam uns 4 000.
 1864.16. O Uruguai
 1864.17. concorreu, no começo,
 1864.18. com 2 500 homens, no máximo;
 1864.19. e no fim da guerra,
 1864.20. teria 600 e poucos combatentes.
 1864.21. Não se chegou a ter um total de 55 000 em luta,
 1864.22. incluindo-se os doentes e os não combatentes.
 1864.23. A esquadra paraguaia
 1864.24. contava 35 vapores,
 1864.25. depois mais três,
 1864.26. apresados ao Brasil e à Argentina
 1864.27. e muitas chatas.
 1864.28. O Brasil tinha, em 1864,
 1864.29. 45 navios;
 1864.30. em 1869 (fins da guerra),
 1864.31. o número era de 85,
 1864.32. dos quais 16 couraçados.
 1864.33. Era o Brasil, na época,
 1864.34. a terceira potência naval do mundo,
 1864.35. logo abaixo da Inglaterra e da França.
1864 1864.1. Apreensão do navio Marquês de Olinda.
1864 1864.1. Guerra do Paraguai
 1864.2. Pouco depois de sua independência,
 1864.3. foi o Paraguai governado por ditadores.
 1864.4. O último deles,
 1864.5. Francisco Solano Lopez,
 1864.6. empenhou-se em fortalecer militarmente o país.
 1864.7. Sonhava constituir um grande império
 1864.8. (por imitação de Napoleão,
 1864.9. de quem era grande admirador)
 1864.10. e conquistar para o Paraguai
 1864.11. terras vizinhas, talvés até o mar.
 1864.12. O Brasil recusara sua mediação
 1864.13. na luta contra os inimigos do Império,
 1864.14. no Uruguai;
 1864.15. Solano Lopez,
 1864.16. sem declaração de guerra,
 1864.17. rompeu as hostilidades contras o Brasil,
 1864.18. apreendendo o pequeno vapor Marquês de Olinda,
 1864.19. que ia para Mato Grosso
 1864.20. com novo presidente da província
 1864.21. (1864).
 1864.22. Logo a seguir,
 1864.23. um exército paraguaio
 1864.24. invadiu Mato Grosso,
 1864.25. ocupando-lhe o sul,
 1864.26. enquanto outro invadia Corrientes,
 1864.27. na Argentina
 1864.28. e vinha atacar o Rio Grande do Sul;
 1864.29. mas, sitiados em Uruguaiana, renderam-se,
 1864.30. na presença do imperador D. Pedro II
 1864.31. e dos presidentes da Argentina e do Uruguai.
 1864.32. A invasão da Argentina
 1864.33. levou este país
 1864.34. a aliar-se ao Brasil e ao Uruguai
 1864.35. contra López.
 1864.36. Ainda assim, entretanto,
 1864.37. as forças das nações aliadas
 1864.38. eram em número
 1864.39. bem inferior às paraguaias.
1865 1865.1. Invenção da tranca de cilindro (cadeado) – EUA
 1865.2. por Linus Yale Jr.
1865 1865.1. Batalha do Riachuelo.
 1865.2. Rendição de Uruguaiana.
1865 1865.1. A 11 de junho de 1865,
 1865.2. unidades da esquadra brasileira,
 1865.3. que estavam no rio Paraná,
 1865.4. perto da foz do Riachuelo,
 1865.5. foram atacadas pelas do Paraguai;
 1865.6. a luta foi terrível
 1865.7. e nela cobriu-se de glória
 1865.8. a marinha brasileira.
 1865.9. Decidiu a vitória
 1865.10. o bravo Francisco Manuel Barroso,
 1865.11. que chefiava a esquadra,
 1865.12. fazendo da fragata Amazonas
 1865.13. (navio-capitania)
 1865.14. um aríete contra os navios inimigos.
1866 1866.1. Invenção da dinamite na Suécia
 1866.2. por Alfred B. Nobel
1866 1866.1. Primeira batalha de Tuiuti.
1866 1866.1. Osório,
 1866.2. uma das mais brilhantes figuras
 1866.3. na dura campanha,
 1866.4. comandou o exército brasileiro,
 1866.5. conduzindo-o na marcha
 1866.6. de quase cem léguas
 1866.7. até atravessar o rio Paraná
 1866.8. e entrar no território inimigo,
 1866.9. em Passo da Pátria.
 1866.10. Poucos dias depois da travessia,
 1866.11. houve em Tuiuti
 1866.12. a maior batalha da guerra
 1866.13. (24 de maio de 1866)
 1866.14. e coube a Osório
 1866.15. o mérito da vitória.
 1866.15.1. (Esta foi a primeira Batalha de Tuiuti.
 1866.15.2. Houve outra, no ano seguinte,
 1866.15.3. na qual os aliados também saíram vencedores).
 1866.16. O bravo militar,
 1866.17. ferido e doente,
 1866.18. retirou-se do comando,
 1866.19. que passou ao general
 1866.20. Polidoro da Fonseca Quintanilha Jordão.
 1866.21. Mais tarde, voltou à luta.
 1866.22. A esse tempo
 1866.23. findava o épico
 1866.24. episódio da retirada da Laguna.
1867 1867.1. Retirada da Laguna.
1868 1868.1. Passagem de Humaitá;
 1868.2. Itororó, Avaí, Lomas Valentinas.
1868 1868.1. Após o desastre sofrido
 1868.2. pelos aliados
 1868.3. no ataque a Curupaiti,
 1868.4. dirigido pelo general argentino Mitre,
 1868.5. o camando do exército coube
 1868.6. ao marquês de Caixias.
 1868.7. As tropas brasileiras,
 1868.8. desde então,
 1868.9. combateram praticamente sozinhas.
 1868.10. Realizou Caixias uma operação importante,
 1868.11. a marcha de flanco,
 1868.12. que contornou as posições inimigas.
 1868.13. A esquadra brasileira
 1868.14. forçou a passagem,
 1868.15. julgada intransponível,
 1868.16. diante da fortaleza de Humaitá.
 1868.17. Caixias alcançou ainda novas vitórias,
 1868.18. que obrigaram López a abandonar Humaitá.
 1868.19. Pouco tempo depois
 1868.20. travou-se o combate da ponte de Itororó,
 1868.21. um dos mais violentos da guerra.
 1868.22. A batalha de Avaí,
 1868.23. alguns dias mais tarde,
 1868.24. foi outro triunfo para Caixias,
 1868.25. auxiliado na ação por Osório,
 1868.26. que na refrega
 1868.27. ficou ferido.
1869 1869.1. Batalha de Campo Grande.
1870 1870.1. Fim da guerra paraguaia.
1870 1870.1. Invenção do teleimpressor de bolsa – EUA
 1870.2. por Thomas A. Edison
1870 1870.1. Alemanha Estado Nacional.
1870 1870.1. Itália Estado Nacional.
1870 1870.1. Revanchismo francês:
 1870.2. Com a derrota da França
 1870.3. na guerra contra a Alemanha,
 1870.4. em 1870,
 1870.5. os franceses foram obrigados
 1870.6. a ceder aos alemães
 1870.7. os territórios da Alsácia-Lorena,
 1870.8. cuja região era rica
 1870.9. em minérios de ferro e em carvão.
1870 1870.1. Os territórios da Alsácia-Lorena,
 1870.2. em mãos dos alemães
 1870.3. desde 1870.
1873 1873.1. Invenção da garrafa térmica – Inglaterra
 1873.2. por James Dewar
1874 1874.1. Invenção do arame farpado nos EUA
 1874.2. por Joseph F. Glidden
1876 1876.1. Invenção do telefone – EUA
 1876.2. por Alexander G. Bell
1876 1876.1. Invenção do motor a gasolina (4 ciclos) – Alemanha
 1876.2. por Nicolaus August Otto
1877 1877.1. Invenção do microfone – EUA
 1877.2. por Thomas A. Edison
1879 1879.1. Invenção da lâmpada (incandescente) – EUA
 1879.2. por Thomas A. Edison
1879 1879.1. Invenção da estrada de ferro (elétrica) – Alemanha
 1879.2. por Werner von Siemens
1879 1879. Einstein nasceu em 1879, em Ulm, na Alemanha,
 1879.1. mas com 17 anos mudou para Zurique, na Suíça,
 1879.2. onde estudou na escola politécnica;
 1879.3. depois da formatura,
 1879.4. não conseguiu emprego no ambiente acadêmico,
 1879.5. e por alguns anos
 1879.6. trabalhou no instituto de patentes de Berna,
 1879.7. como perito técnico de terceira classe.
1880 1880.1. Invenção do motor de combustão interna (alta rotação)
 1880.2. Alemanha
 1880.3. por Gottlieb Daimler
1880 1880.1. Inveção do leite desidratado – EUA
 1880.2. por John B. Meyenberg
1881 1881.1. Invenção da telefotografia – Inglaterra
 1881.2. por Shelford Bidwell
1881 1881.1. Invenção da fotografia em cores – EUA
 1881.2. por Frederic E. Ives
1882 1882.1. Invenção do ferro elétrico – EUA
 1882.2. por Henry W. Seeley
1882 1882.1. Tríplice Aliança
 1882.2. (1882).
 
1883 1883.1. A Ponte do Brooklyn (USA)
 1883.2. foi inaugurada em 25 de maio de 1883.
 1883.3. Sua função era a de permitir
 1883.4. a locomoção de pessoas
 1883.5. entre a ilha de Manhattan
 1883.6. e o bairro do Brooklyn,
 1883.7. em Nova York,
 1883.8. nos Estados Unidos.
 1883.9. Desse modo,
 1883.10. a ponte substituiria
 1883.11. o intenso movimento
 1883.12. de balsas de passageiros
 1883.13. através do rio conhecido como East River.
 1883.14. Além de ser a maior ponte suspensa
 1883.15. de sua época
 1883.16. em todo o mundo,
 1883.17. a Ponte do Brooklyn
 1883.18. era também a maior estrutura de aço
 1883.19. já construída.
 1883.20. Sua extensão total é de 1,15 Km.
 1883.21. Apesar de sua inauguração
 1883.22. ter ocorrido apenas em 1883,
 1883.23. a proposta de sua construção
 1883.24. foi apresentada em 1802
 1883.25. à Assembléia Legislativa
 1883.26. do Estado de Nova York.
 1883.27. Durante sua construção,
 1883.28. morreram 24 trabalhadores,
 1883.29. entre eles
 1883.30. o projetista da ponte,
 1883.31. John A. Roebling.
 1883.32. O filho de Roebling assumiu
 1883.33. as tarefas do pai
 1883.34. e, três anos depois,
 1883.35. em 1872,
 1883.36. sofreu um acidente
 1883.37. quando supervisionava
 1883.38. a parte submersa da obra,
 1883.39. ficando inválido.
 1883.40. Mesmo assim,
 1883.41. ele continuou a trabalhar
 1883.42. da janela de seu apartamento,
 1883.43. com a ajuda de sua esposa,
 1883.44. que transmitia suas ordens aos operários.
 1883.45. Apesar de ter sido construída
 1883.46. para atender a uma necessidade prática,
 1883.47. a Ponte do Brooklyn
 1883.48. logo adquiriu características de monumento.
 1883.49. Transformou-se em um símbolo
 1883.50. da sociedade industrial de seu tempo.
 1883.51. Suas muitas toneladas de aço
 1883.52. suspensas no ar
 1883.53. passaram a representar
 1883.54. a inventividade e a capacidade técnica industrial
 1883.55. dos Estados Unidos.
 1883.56. Sua imagem,
 1883.57. muito divulgada pelo cinema americano,
 1883.58. foi sempre utilizada
 1883.59. como uma espécie de cartão-postal do país,
 1883.60. moderno e avançado.
1884 1884.1. Invenção da metralhadora (automática) – EUA
 1884.2. por Hiram Maxim
1885 1885.1. Invenção do transformador (elétrico) – EUA
 1885.2. por William Stanley
1885 1885.1. Invenção da motocicleta – Inglaterra
 1885.2. Edward Butler
1887 1887.1. Invenção do automóvel na Alemanha
 1887.2. (motor de combustão interna)
 1887.3. por Gottlieb Daimler
 1887.4. por Karl Benz
 1887.5. (separadamente)
1889 1889.1. Nasce Hitler, Adolf
 1889.2. (1889-1945)
 1889.3. viveu 66 anos de idade
1890 1890-1904. SISTEMA IMPERALISTA
 1890-1904.1. Crescimento demográfico
 1890-1904.2. Desequilíbrio da produção
 1890-1904.3. Necessidade de exportação
 1890-1904.4. Procura de mercados consumidores
 1890-1904.5. Crise econômica
 1890-1904.6. Depressão
 1890-1904.7. Políticos
 1890-1904.7.1. As nações superiores
 1890-1904.7.1.1. devem dominar as inferiores
 1890-1904.7.2. Controle de bases navais
 1890-1904.7.3. Corrida armamentista
 1890-1904.7.4. Superioridade racial branca
1890 1890-1904. SISTEMA CAPITALISTA
 1890-1904.1. Disputa do mercado pelo monopólio.
 1890-1904.2. Fusão do capital industrial.
 1890-1904.3. Fusão do capital do bancário.
 1890-1904.4. Exportação de capitais maior que
 1890-1904.4.1. a de mercadorias.
 1890-1904.5. Crise e conflito gerados pela rivalidade.
 1890-1904.6. Partilha de áreas não ocupadas
 1890-1904.6.1. (África e Ásia).
1891 1891.1. Invenção do automóvel (elétrico) nos EUA
 1891.2. por William Morrison
1892  1892.1. 1ª lei eleitoral brasileira
 1892.2. Sancionada por Floriano Peixoto
 1892.3. nº 35 de 26/01/1892
1893 1893.1. Invenção do ziper – EUA
 1893.2. por Whitcomb L. Judson
1893 1893.1. Invenção do motor diesel – Alemanha
 1893.2. Rudolf C. K. Diesel
1893 1893.1. Invenção da máquina de somar (comercial) – EUA
 1893.2. por William Bourroughs 
1895 1895.1. Invenção do rádio-telégrafo – Itália
 1895.2. Guglielmo Marconi
1895 1895.1. Invenção do projetor cinematográfico – França
 1895.2. por Auguste e Louis Lumière
1899 1899.1. Invenção do gravador (magnético) – Dinamarca
 1899.2. por Valdemar Poulsen
1900 1900.1. Invenção do dirigível (rígido) na Alemanha
 1900.2. por Ferdinand von Zeppelin
1901 1901.1. Invenção da lâmpada (de vapor de mercúrio) – EUA
 1901.2. por Peter C. Hewitt
1902 1902.1. Invenção do rádio-telefone – EUA
 1902.2. por Reginald A. Fessendem
1905 1905.1. Hitler teve pouco rendimento na escola
 1905.2. e não recebeu o certificado,
 1905.3. interrompendo os estudos aos 16 anos,
 1905.4. em 1905.
1905 1905. Einstein, talvez, graças a essa estranheza
 1905.1. em relação ao ambiente cientifico mais formal,
 1905.2. ele conseguiu desenvolver uma teoria física
 1905.3. totalmente revolucionária,
 1905.4. que marca um claro ponto de descontinuidade
 1905.5. com a visão do mundo
 1905.6. que cientistas e leigos tinham tido até então:
 1905.7. em 1905 (com apenas 26 anos!),
 1905.8. publicou aquela que ficou conhecida
 1905.9. como Teoria de Relatividade Restrita.
 1905.10. Nela, é demonstrada como a hipótese
 1905.11. da existência do éter,
 1905.12. que por séculos tinha parecido necessária
 1905.13. para explicar o fenômeno
 1905.14. da propagação luminosa,
 1905.15. era totalmente inútil
 1905.16. (a luz pode se propagar no vazio),
 1905.17. enquanto os mesmos conceitos de
 1905.17.1. espaço,
 1905.17.2. tempo,
 1905.17.3. massa,
 1905.18. simultaneidade tornavam-se relativos,
 1905.19. desmoronando, assim, na raiz,
 1905.20. não só os fundamentos básicos
 1905.21. da física clássica,
 1905.22. como também
 1905.23. a percepção da realidade do homem comum.
1906 1906.1. Invenção do avião – Brasil
 1906.2. por Alberto Santos Dumont
1907 1907.1. Invenção do helicóptero – França
 1907.2. (transportando passageiros)
 1907.3. por Paul Cornu
1907 1907.1. Tríplice Entente
 1907.2. (1907).
1908 1908.1. Invenção do silenciador (arma de fogo) – EUA
 1908.2. por Hiram Maxim
1908 1908.1. Hitler, Adolf
 1908.2. aos 19 anos de idade
 1908.2. após a morte da mãe,
 1908.3. Klara Hitler,
 1908.4. em 1908,
 1908.5. ainda vivia de pequeno rendimento,
 1908.6. com o qual se manteve em Viena.
1908  1908.1. Em 1908,
 1908.2. a Áustria anexou
 1908.3. a região da Bósnia-Herzegovina,
 1908.4. ferindo os interesses da Sérvia,
 1908.5. que pretendia incorporar
 1908.6. aquelas regiões habitadas por eslavos
 1908.7. e criar a Grande Sérvia.
1911 1911.1. Invenção do ar condicionado nos EUA
 1911.2. por Wilis H. Carrier
1911 1911.1. Invenção da bússola giroscópica – EUA
 1911.2. por Elmer A. Sperry
1912 1912.1. Segundo a teoria da deriva dos continentes,
 1912.2. existe um movimento,
 1912.3. ainda que imperceptível
 1912.4. dentro da nossa vivência de tempo,
 1912.5. que faz com que os continentes
 1912.6. se desloquem lentamente.
 1912.7. Essa teoria foi proposta em 1912
 1912.8. pelo alemão Alfred Wegener (1880-1930),
 1912.9. que observou o recorte
 1912.10. da costa leste da América do Sul
 1912.11. e o comparou com
 1912.12. a costa leste da África
 1912.13. e notou algumas semelhanças,
 1912.14. como se os dois lados
 1912.15. tivessem um dia estado juntos.
 1912.16. Em determinada época,
 1912.17. há centenas de milhões de anos,
 1912.18. todos os continentes
 1912.19. formavam um só bloco,
 1912.20. a Pangéia
 1912.21. (do grego, pan = toda
 1912.22. e geo (ou Gaia) = terra),
 1912.23. que depois,
 1912.24. devido ao movimento das placas tectônicas,
 1912.25. se dividiu em duas partes:
 1912.26. Gondwana e Laurásia.
 1912.27. Daí para frente,
 1912.28. as partes se fragmentando,
 1912.29. até assumir a forma atual.
 1912.30. Na época,
 1912.31. Wegener não foi levado a sério,
 1912.32. principalmente porque
 1912.33. não se explicava
 1912.34. que tipo de força
 1912.35. seria capaz de mover
 1912.36. blocos tão grandes
 1912.37. como os continentes.
 1912.38. Wegener morreu sem poder responder à pergunta,
 1912.39. pois somente a partir da década de 50,
 1912.40. com a descoberta das placas tectônicas,
 1912.41. os cientistas conseguiram resgatar
 1912.42. a teoria da Deriva Continental.
 1912.43. As placas tectônicas
 1912.44. são grandes blocos
 1912.45. que formam a crosta terrestre
 1912.46. e flutuam sobre o magma.
 1912.47. Este, por possuir consistência fluida,
 1912.48. possibilita o deslizamento
 1912.49. das placas tectônicas
 1912.50. e, conseqüentemente,
 1912.51. o descolacamento dos continentes.
 1912.52. E os continentes continuam se movendo até hoje.
 1912.53. A Teoria da Tectônica de Placas,
 1912.54. é, atualmente,
 1912.55. a forma mais aceita
 1912.56. de se explicar a formação dos continentes.
1913 1913.1. Invenção do avião (com vários motores) – Rússia
 1913.2. por Igor Sikorsky
1913 1913.1. Em 1913 Hitler mudou para Munique.
 1913.2. Hitler tinha 24 anos de idade.
1914 1914.1. Invenção do tanque(militar) – Inglaterra
 1914.2. por Ernest D. Swinton
1914 1914.1. Início da Primeira Guerra Mundial
1914 1914-1918. PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL
 1914-1918.1. Com o crescimento
 1914-1918.1.1. da rivalidade internacionais.
 1914-1918.2. O aguçamento da competição imperalista.
 1914-1918.3. O assassinato do arquiduque
 1914-1918.3.1. Francisco Fernando, da Áustria.
 1914-1918.4. Constituiu o quadro onde o estopim
 1914-1918.4.1. eclodiu a I Guerra Mundial.
 1914-1918.5. Campanhas napoliônicas (França).
 1914-1918.6. Equilíbrio de forças
 1914-1918.6.1. (alianças das nações da Europa).
 1914-1918.7. Batalhas no mar e nos ares.
 1914-1918.8. Agosto de 1914 a novembro de 1918.
 1914-1918.9. I Período: extremamente violento
 1914-1918.9.1. (Agosto e novembro de 1914).
 1914-1918.10. II Período: Guerra de trincheiras
 1914-1918.10.1. (Até princípio de 1917).
 1914-1918.11. III Período: Final (1917-1918)
 1914-1918.11.1. Em que se defez então
 1914-1918.11.2. a frente oriental da Rússia
 1914-1918.11.3. e houve a extensão das operações
 1914-1918.11.4. aos balcãs à mesopotâmia
 1914-1918.11.5. e a África.
 1914-1918.11.6. Nesta última fase,
 1914-1918.11.7. interviram os Estados Unidos e o Brasil,
 1914-1918.11.8. em favor dos aliados.
1914 1914.1. Hitler, Adolf
 1914.2. com 25 anos de idade
 1914.3. foi chamado temporariamente a Áustria
 1914.4. para ser examinado para o exército (1914)
 1914.5. e foi rejeitado como inapto,
 1914.6. mas quando começou a guerra de 1914,
 1914.7. apresentou-se como voluntário
 1914.8. do exército alemão.
1914 1914.1. Ao visitar Saravejo,
 1914.2. capital da Bósnia
 1914.3. – região anexada
 1914.4. ao Império Austro-Húngaro em 1908 –
 1914.5. o príncipe herdeiro Francisco Ferdinando
 1914.6. terminou sofrendo um atentado
 1914.7. que lhe roubou a vida,
 1914.8. juntamente com sua esposa,
 1914.9. em 28 de junho de 1914.
1914 1914.1. O nome Primeira Guerra Mundial
 1914.2. foi atribuído ao conflito de 1914 a 1918,
 1914.3. pois essa foi a primeira guerra
 1914.4. da qual participaram as principais potências
 1914.5. das diversas regiões da Terra,
 1914.6. embora o principal "cenário da guerra"
 1914.7. tenha sido o continente europeu.
1914 1914.1. A Alemanha,
 1914.2. após a unificação política,
 1914.3. passou a reivindicar áreas coloniais
 1914.4. e a contestar a hegemonia internacional inglesa,
 1914.5. favorecendo a formação de blocos antagônicos.
 1914.6. Constituíram-se, assim,
 1914.7. a Tríplice Aliança
 1914.8. (Alemanha, Áustria-Hungria e Itália)
 1914.9. e a Tríplice Entente
 1914.10. (Inglaterra, Rússia e França).
 1914.11. Os blocos rivalizavam-se
 1914.12. política e militarmente,
 1914.13. até que em 1914,
 1914.14. surgiu o motivo da eclosão da Guerra:
 1914.15. o assassinato
 1914.16. do herdeiro do trono Áustro-Húngaro
 1914.17. (Francisco Ferdinando),
 1914.18. em Sarajevo (Bósnia).
1914 1914.1. Invenção da lâmpada (neon) – França
 1914.2. por Georges Claude
1915 1915.1. Maio de 1915,
 1915.2. Itália entra na guerra,
 1915.3. mas do lado da Triplice Entente.
 1915.4. Conforme seus interesses imediatos,
 1915.5. alguns países mudavam de posição,
 1915.6. como a Itália,
 1915.7. que em 1915 recebeu dos países da Entente
 1915.8. a promessa de compensações territoriais,
 1915.9. caso mudasse de lado.
1916 1916.1. Hitler, Adolf,
 1916.2. com 27 anos de idade
 1916.3. Servindo durante a guerra,
 1916.4. foi ferido em 1916
 1916.5. e envenenado por gás dois anos depois.
 1916.6. Por bravura em ação
 1916.7. foi duas vezes condecorado
 1916.8. com a cruz de ferro,
 1916.9. uma condecoração rara para um cabo.
1917 1917.1. Seleção Brasileira jogou de camisa vermelha.
 1917.2. Foi durante o II Campeonato Sul-Americano,
 1917.3. em 1917.
1917 1917.1. Revolução Socialista na Rússia.
1917 1917.1. Em janeiro de 1917,
 1917.2. os alemães declararam
 1917.3. uma guerra submarina total,
 1917.4. avisando que torpedariam
 1917.5. todos os navios mercantes
 1917.6. que transportassem mercadorias
 1917.7. para seus inimigos na Europa.
 1917.8. Pressionado pelos poderosos
 1917.9. banqueiros estadunidenses,
 1917.10. cujo capital investido
 1917.11. na França e na Inglaterra
 1917.12. achava-se ameaçado
 1917.13. o Governo dos Estados Unidos
 1917.14. declarou guerra à Alemanha
 1917.15. e ao Império Austro-Húngaro
 1917.16. em 6 de abril de 1917.
1917  1917.1. Em 1917,
 1917.2. os EUA entraram na guerra
 1917.3. ao lado da Tríplice Entente,
 1917.4. no mesmo ano em que a Rússia,
 1917.5. por causa da Revolução Bolchevique,
 1917.6. retirava-se.
 1917.7. Os reforços dos EUA foram suficientes
 1917.8. para acelerar
 1917.9. o esgotamento do bloco Alemão,
 1917.10. sendo que em 1918,
 1917.11. a Alemanha assinou  sua rendição.
1918 1918.1. A Alemanha assina sua rendição.
1918 1918.1. Terminada a Guerra,
 1918.2. a Europa arrasada
 1918.3. tornou-se um grande mercado
 1918.4. dependente de exportações americanas.
1918 1918.1. Possuindo aproximadamente
 1918.2. a metade de todo o ouro
 1918.3. que circulava nos mercados financeiros mundiais,
 1918.4. os Estados Unidos projetavam-se
 1918.5. como maior potência financeira mundial
 1918.6. do pós-guerra.
1918 1918.1. Invenção da torradeira automática – EUA
 1918.2. por Charles Strite
1919 1919.1. Foi assinado o Tratado de Versalhes,
 1919.2. que estabeleceu sanções aos alemães
 1919.3. e a criação de um organismo
 1919.4. que deveria zelar pela paz mundial.
 1919.5. Esse tratado,
 1919.6. conforme os 14 pontos propostos
 1919.7. pelo presidente Wilson (EUA),
 1919.8. determinou punições humilhantes aos alemães,
 1919.9. semeando o revanchismo
 1919.10. que desencadearia, depois,
 1919.11. a Segunda Guerra Mundial.
1919 1919.1. Hitler, Adolf
 1919.2. com 30 anos de idade
 1919.3. com alta do hospital
 1919.4. após a derrota alemã,
 1919.5. ficou alistado no seu regimento
 1919.6. e designado como agente político,
 1919.7. juntou-se ao pequeno partido trabalhista alemão
 1919.8. em Munique (1919).
1920 1920.1. Sediada em Genebra, na Suíça,
 1920.2. a Liga das Nações
 1920.3. deu início
 1920.4. às suas atividades
 1920.5. em janeiro de 1920,
 1920.6. tendo como missão
 1920.7. agir como mediadora
 1920.8. no caso de conflitos internacionais,
 1920.9. procurando, assim,
 1920.10. preservar a paz mundial.
1920 1920.1. Hitler, Adolf
 1920.2. com 31 anos de idade,
 1920.3. seduzido pela perspectiva
 1920.4. de uma carreira política,
 1920.5. em 1920 deixa o exercito
 1920.6. para devotar-se integramente
 1920.7. à atividade partidária.
1921 1921.1. Hitler, Adolf
 1921.2. com 32 anos de idade.
 1921.3. Porém, os dirigentes,
 1921.4. conscientes de que o futuro do partido
 1921.5. dependia do seu poder
 1921.6. de organizar a publicidade
 1921.7. para conseguir fundos,
 1921.8. deram-lhe a presidência
 1921.9. com poderes ilimitados,
 1921.10. em julho de 1921.
1923 1923.1. Hitler, Adolf
 1923.2. com 34 anos de idade
 1923.3. O clímax desse rápido crescimento
 1923.4. do partido nazista na Bavária
 1923.5. veio com a tentativa de golpe
 1923.6. para tomada do poder,
 1923.7. o atentado de Munique
 1923.8. (Hall da Cerveja)
 1923.9. em novembro de 1923,
 1923.10. quando Hitler e o general Erich Luderndorff
 1923.11. tentaram forçar o comando do exército
 1923.12. a proclamar um revolução nacional.
1924 1924.1. O calendário grego,
 1924.2. Com a conquista romana,
 1924.3. adotou-se o calendário juliano,
 1924.4. cujo uso continuou
 1924.5. mesmo durante a dominação turca,
 1924.6. embora o calendário oficial nessa época
 1924.7. fosse o muçulmano.
 1924.8. A adoção do gregoriano
 1924.9. só foi feita
 1924.10. em 1924.
1925 1925.1. O 1º de maio é uma data importante
 1925.2. no calendário dos trabalhadores.
 1925.3. Ela marca as lutas
 1925.4. pela conquista de melhores salários
 1925.5. e melhores condições de trabalho.
 1925.6. Em geral, ela é comemorada
 1925.7. com festas e protestos.
 1925.8.
1926 1926.1. Invenção da televisão – Escócia
 1926.2. por James Logie Baird
1928 1928.1. Invenção do pulmão de aço – EUA
 1928.2. por Phillip Drinker
 1928.3. por Louis A. Shaw
1928 1928.1. Invenção do computador – EUA
 1928.2. (analisador diferencial)
 1928.3. por Vannevar Bush
1928 1928.1. Invenção do barbeador elétrico – EUA
 1928.2. por Jacob Schick
1929 1929.1. Invenção do piloto automático para aviões – EUA
 1929.2. por William Green
1929 1929.1. Quebra da Bolsa de Valores de Nova York.
1932 1932.1. Invenção do vidro – EUA
 1932.2. polarizante (polaroid)
 1932.3. por Edwin H. Land
1933 1933.1. Nazismo se assenhora do poder na Alemanha
 1933.1.1. (30 de janeiro de 1933).
1935 1935.1. Invenção do radar – Inglaterra
 1935.2. por Robert A. Watson-Watt
1935 1935.1. Invenção do nylon – EUA
 1935.2. por Wallace H. Carothers
1936 1936.1. Invenção da abreugrafia no Brasil
 1936.2. por Manuel Dias de Abreu
1937 1937.1. Invenção do motor a jato – Inglaterra
 1937.2. por Frank Whittle
1938 1938.1. Invenção do visor iconoscópio de televisão – EUA
 1938.2. por Vladimir K. Zworykin
1939 1939.1. Invenção do microscópio eletrônico – EUA
 1939.2. por Vladimir K. Zworykin
1939 1939.1. Início da Segunda Guerra Mundial.
1939 1939-1945. SEGUNDA GUERRA MUNDIAL
 1939-1945.1. 6(seis) anos.
 1939-1945.2. Alemanha na fronteira da Polônia.
 1939-1945.3. 45 milhões de mortos.
 1939-1945.4. Riquezas inclaculáveis perdidas.
 1939-1945.5. "Karl Clausewitz,
 1939-1945.5.1. filósofo e militar prussiano
 1939-1945.5.2. contemporâneo de Napoleão Bonaparte,
 1939-1945.5.3. dizia, no início do séc. XIX,
 1939-1945.5.4. que a guerra não é somente
 1939-1945.5.5. um ato político,
 1939-1945.5.6. mas também a realização
 1939-1945.5.7. das relações políticas
 1939-1945.5.8. por outros meios".
 1939-1945.6. Edouard Daladier (França):
 1939-1945.6.1. 1º Ministro.
 1939-1945.7. Neville Chamberlain (Inglaterra):
 1939-1945.7.1. 1º Ministro.
 1939-1945.8. Himmler = crueldade insana,
 1939-1945.8.1. fria, insensível.
 1939-1945.9. Joseph Goebbeis = o otimista suicida
 1939-1945.9.1. "latinho e não germânico".
 1939-1945.10. Göring = o Nero da Alemanha:
 1939-1945.10.1. festas, orgia e luxo.
 1939-1945.10.2. Herman Göring Werke =
 1939-1945.10.2.1. pai da gestapo
 1939-1945.10.2.2. e dos campos de concentração.
 1939-1945.11. Bormann = o bajulador subserviente
 1939-1945.11.1. de Hítler
 1939-1945.11.2. "insinuador – insinuações
 1939-1945-11.3. nos momentos certos.
 1939-1945.12. Bormann = Martin Bormann
 1939-1945.12.1. irmão de Albert Bormann
1941 1941.1. Invenção do spray aerossol (bomba) – EUA
 1941.2. por Lyle D. Goodhue
1945 1945.1. Morre Hitler, Adolf
 1945.2. (1889-1945)
 1945.3. viveu 66 anos de idade
1946 1946.1. Invenção do computador (eletrônico) – EUA
 1946.2. por J. Presper Eckert
 1946.3. por John W. Mauchly
1948 1948.1. Invenção da xerografia – EUA
 1948.2. (cópia pelo sistema Xerox)
 1948.3. por Chester Carlson
1948 1948.1. Invenção do transistor – EUA
 1948.2. por J. Bardeen,
 1948.3. por W.E. Brattain
 1948.4. e por W. Shockley
1957 1957.1. Invenção do motor rotativo – Alemanha
 1957.2. Felix Wankel
1965 1965.1. Santos Moraes, peça Rei Zumbi, 1965:
 1965.2. "Lá na terra dos Palmares
 1965.2.1. Vive Zumbi, nosso rei,
 1965.2.2. É um negro belo e forte
 1965.2.3. Como um deus africano
 1965.2.4. (…)
 1965.2.5. Palmares não tem senzala
 1965.2.6. Palmares não tem feitor
 1965.2.7. Eu não quero ser escravo
 1965.2.8. Não quero mais ter senhor
 1965.2.9. Viva Zumbi, nosso rei
 1965.2.9.1. Viva Zumbi, nosso pai
 1965.2.9.2. Quem foge de escravidão
 1965.2.9.3. Para Palmares se vai
1969 1969.1. Descida do homem na Lua.
1975 1975.1. Wladimir Herzog
 1975.2. 2. Nasceu em Osijsk/Iugoslávia,
 1975.2.1. filho de
 1975.2.1.1. Zigmund Herzog
 1975.2.1.2. e Zora Herzog.
 1975.3. Foi morto aos 38 anos em São Paulo.
 1975.4. Jornalista,
 1975.4.1. professor da Universidade de São Paulo
 1975.4.2. e teatrólogo.
 1975.5. Acatando intimação feita
 1975.5.1. pelo DOI-CODI/SP
 1975.5.2. para que se apresentasse naquele departamento,
 1975.5.3. Wladimir foi preso no dia 25 de outubro de 1975,
 1975.5.4. acusado por possíveis ligações
 1975.5.5. com o PARTIDO COMUNISTA BRASILEIRO (PCB).
 1975.6. Nesse mesmo dia,
 1975.6.1. Wladimir morreu
 1975.6.2. em conseqüência das torturas sofridas.
 1975.7. Segundo a versão oficial,
 1975.7.1. Herzog teria se enforcado
 1975.7.2. com o cinto do macacão de presidiário
 1975.7.3. que vestia
 1975.7.4. desde sua entrada no DOI/CODI.
 1975.8. Porém,
 1975.8.1. de acordo com os testemunhos
 1975.8.2. de Jorge Benigno Jathay Duque Estrada
 1975.8.3. e Leandro Konder,
 1975.8.4. jornalistas presos na mesma época no DOI/CODI,
 1975.8.5. Wladimir foi assassinado sob torturas.
1991 1991.1. Fim da União Soviética
1997 1997.1. Clonagem da ovelha Dolly.
 
BIBLIOGRAFIA:
ALMANAQUE ABRIL 1982. São Paulo: Abril, 1982. p. 663
ALMANAQUE ABRIL 1991. 17 ed. São Paulo: Abril. p. 272.
ATLAS geográfico escolar. Rio de Janeiro: IBGE. 2002. p.65
FERREIRA, José Roberto Martins. História: 6ª série/martins. Ed. reform.
   São Paulo: FTD, 1997. p. 60.
MAGEE, Bryan. História da filosofia. 3.ed. São Paulo: Loyola, 2001
PILETTI, Nelson; PILETTI, Claudino. História e vida integrada: os
   conteúdos e história geral e história do Brasil integrados. 1 ed.
   v.1. São Paulo: Ática, 1999. p. 32; 121.
PILETTI, Nelson; PILETTI, Claudino. História e vida: Brasil: dos
   primeiros habitantes à independência. 15.ed. v.1. São Paulo:
   Ática, 2000.
Acesso em: 15:23 10/11/2005
   Disponível em:
   http://www.cl.org.br/Cultura42.htm
   /novaNetJudaica/Default.asp?subMenu=Religi%C3%A3o&novaPagina=Textos
   /mostraTxt.asp&id=337&descCat=Chanuc%C3%A1
Acesso em: 21:44 1/11/2005
   Disponível em:
   http://www.cobra.pages.nom.br/fc-hitler.html
Acesso em: 19:51 18/11/2005
   Disponível em:
   http://www.educ.fc.ul.pt
   /docentes/opombo/hfe/momentos/escola/academia/index.htm
Acesso em: 19:57 18/11/2005
   Disponível em:
   http://www.educ.fc.ul.pt
   /docentes/opombo/hfe/momentos/escola/liceu/index.htm
Acesso em: 15:23 10/11/2005
   Disponível em:
   http://www.educacional.com.br
   /noticiacomentada/020405_not01.asp
Acesso em: 18:59 17/8/2005
   Disponível em:
   http://educaterra.terra.com.br
   /voltaire/mundo/primeira_guerra.htm
Acesso em: 15:22 10/11/2005
   Disponível em:
   http://www.netjudaica.com.br
Acesso em: 19:00 17/8/2005
   Disponível em:
   http://paginas.terra.com.br/arte/mundoantigo/1gm/
Acesso em: 13:47 26/10/2005
   Disponível em:
   http://www.torturanuncamais-rj.org.br
   /MDDetalhe.asp?CodMortosDesaparecidos=362
Acesso em: 15:10 10/11/2005
   Disponível em:
   http://www.vidaslusofonas.pt/alexandre_magno.htm  
Acesso em: 18:58 17/8/2005
   Disponível em:
   http://www.vestigios.hpg.ig.com.br/1guerra.htm
 
 
Esse post foi publicado em Linha do Tempo. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s